Biografia - RAUL QUIROGA

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Biografia

MENU
A biografia de Raúl Quiroga conta que: O canto-autor Latino Americano, natural de Montevidéu, toma o rumo de muitos cantores uruguaios, exilando-se voluntariamente do seu país na busca de novos horizontes. Nos primeiros anos, peregrinou por diferentes países, sendo que no primeiro ano de exílio, teve que retornar ao Uruguai para o nascimento da sua primeira filha, 2 anos volta a peregrinar novamente. Começa aqui a parte da  história mais bonita do cantor e compositor, pois a vida e o caminho traçado lhe poria a prova suas ânsias pessoais e profissionais, a través da sua arte, e suas composições. Pelos diferentes países por onde andou levou e deixou grandes lembranças, marcadas de horas difíceis mais também, momentos de grandes alegrias. Raúl Quiroga se radica no Estado do Rio Grande do Sul pela identificação da "Cultura Gaúcha" junto a "Cultura Uruguaia" que caminham irmanadas. Hoje reconhecido como profissional publicamente, tem atualmente 10 CDs. gravados com grande sucesso de vendas, sendo o mais recente um Álbum Duplo intitulado como "Um Canto Sem Fronteiras" com 15 músicas nativistas de composições próprias em português, e 15 músicas de uma coletânea impar com obras de compositores argentinos, uruguaios e rio-grandenses, juntos a obras da sua autoria. Sua participação de shows em Festivais Nativistas e grandes eventos do gênero tem sido amplamente reconhecida, citando alguns: Coxilha Nativista de Cruz Alta, Rodeio Internacional de Vacaria, Guyanuba da Canção Nativa, Carijo da Canção Gaúcha, Reculuta da Canção, Coxilha Negra de Butiá, Jerra da Canção Nativa, Ronco do Bugio, Rodeio dos Praianos, Estância do Planalto (Brasília) Criolla Internacional Del Prado (Uruguay) Fiesta Nacional del Chamamé (Argentina) Encuentro Internacional de Ginetes (Paraguay) entre outros. Sua carreira  discografia começou depois da sua consagração nos diferentes festivais nativistas realizados neste estado brasileiro, com mais de 450  obras gravadas e premiadas, incluindo as premiações paralelas como intérprete, instrumentista e arranjador dando ao artista uma enorme abertura profissional sendo até hoje a grande porta para o sucesso de muitos artistas consagrados no meio musical do Rio Grande do Sul.  No ano de 2001 foi agraciado com o "Título de Cidadão Leopoldense" pelo legislativo do município de São Leopoldo, cidade onde reside até hoje. No ano de 2010 foi lhe outorgado pela Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul o "Troféu Vitor Mateus Teixeira (Teixeirinha) como melhor arranjador do ano", Neste ano 2015 lança o seu 1º DVD produção do Studio Zeus "Diario de un Fronterizo" marcando seus 40 anos de carreira artística musical. Com sua música e o seu canto incansável, procura uma integração maior dos povos Latino americanos. O seu maior legado conforme pensamento próprio, e ter aportado na formação profissional de novos valores, acolhendo adolescentes com vontade e vocação para a arte musical, ajudando e preparando para enfrentar os grandes palcos, impulsionando a sua formação certa compartindo o mesmo palco quando prontos para isto e logo após circular pelos maiores bastidores da música folclórica de raíz.  Este ano se encontra em cartaz o espetáculo "Latinos" que reúne alguns dos mais renomados autores de obras poéticas e musicais da América latina.
 
Copyright 2015. americanto.com.br.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal